terça-feira, 26 de julho de 2016

A carta (para ela) #5

(...) Queria te pedir desculpas por todo transtorno que causei, por toda mágoa que devo ter deixado dentro do seu coração e dizer que te amo e que vou suportar (estes anos que terei pela frente) com as lembranças que tenho de nós dois. No próximo dia dois (ainda lembra do meu aniversário) eu faço três décadas de existência, poderia me dar de presente à resposta desta carta. O endereço para você responder está em uma folha em separado, mas se não puder ou não quiser responder eu vou entender.

Amo-te.


                             Edson Aparecido Gomes Prado, (um homem arrependido)







1ª parte:  http://l-desconhecido.blogspot.com.br/2016/07/a-carta.html