quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Dizem que os insubstituíveis estão debaixo do solo, eu discordo.
Estou bem acima dele e ninguém é como eu, pode ser pior ou até mesmo melhor, mais igual: JAMAIS.