segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Sentimentos devolvidos



Te vi dobrar a esquina
e sumir no horizonte.
Minha via foi contigo
no momento em que partiu.

Tão solitário fiquei a pensar,
meus sentimentos você levou.
Não sei pra onde,
e nem que rumo tomou.

Fico no mundo a vagar,
pra encontrar o que perdi.
Talvez nunca ache,
ao menos que você volte.

E, se esse dia chegar,
e aquela esquina você voltar a dobrar,
pode crer,  meu querido,
todo meu sentimento entrego a ti,
a diferença é que não irá partir.